Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Ataque aéreo do Paquistão contra o Irã é registrado em vídeo

Foto: divulgação

O campo global acordou sob a tensão do confronto militar entre o Paquistão e o Irã nesta quinta-feira, 18 de janeiro de 2024. Uma reação às ações militares do Irã em solo paquistanês, as forças armadas paquistanesas anunciaram uma série de ataques aéreos bem-sucedidos contra os esconderijos de militantes separatistas na província iraniana de Siestan-o-Baluchistan.

{% twitter https://twitter.com/rendeiro_silva/status/13505217676447457 %}

O Ministério das Relações Exteriores do Paquistão confirmou a execução dos ataques em um comunicado oficial. O documento realça a precisão e coordenação das operações militares que visaram, em específico, refúgios terroristas em terras iranianas, levando à neutralização de vários militantes. Os ataques, de acordo com o governo paquistanês, são uma resposta à passividade do Irã em abordar as atividades dos terroristas da facção Sarmachars, originários do Paquistão e ativos em solo iraniano.

Alega-se que o Paquistão forneceu ao Irã detalhes minuciosos sobre a presença e as atividades do grupo radical no território iraniano. No entanto, relata-se que Teerã não tomou ações concretas para combater a ameaça que o grupo Sarmachars representa para a segurança regional.

{% twitter https://twitter.com/areamilitarof/status/13505217676447457 %}

O governo paquistanês avisou: “Em face à inação em relação às nossas questões severas, os assim chamados Sarmachars continuaram a derramar o sangue dos inocentes paquistaneses com impunidade. Nós iniciamos a ação de hoje baseados em informações autênticas de ameaças terroristas emergentes.”

Salientando um respeito pleno à soberania e integridade territorial da República Islâmica do Irã, o governo paquistanês sondou que o intento primordial desses ataques aéreos é assegurar a segurança nacional, uma prerrogativa inegociável.

{% twitter https://twitter.com/ANTPINTOPEREIRA/status/13505217676447457 %}

Estes recentes desenvolvimentos sucedem uma cadeia de ataques por parte do Irã contra os militantes sunitas da facção Jeysh al-Adl na província do Baluchistão, sudoeste do Paquistão, usando mísseis e drones.

O líder dos Negócios Estrangeiros iranianos, Hossein Amirabdollahian, durante sua presença no 54º Fórum Econômico Mundial de 2024 em Davos, Suíça, sustentou o respeito à soberania do Paquistão. Contudo, proclamou que o Irã não permitirá que sua segurança seja ameaçada por qualquer entidade.

Fonte: https://cm7brasil.com/noticias/mundo/guerra-paquistao-lanca-ataque-aereo-contra-o-ira-veja-video/

Solicitação de contato

Preencha os dados abaixo e em breve um de nossos consultores irá entrar em contato com você oferecendo as melhores oportunidades para anunciar sua marca conosco.